• Gabi Gobo

Rodeio Brasil X Rodeio nos Estados Unidos - As diferenças


Eu frequento rodeios aqui no Brasil desde que era um bebe, minha mãe sempre falou que eu já mostrei muito o "bumbum” nas arquibancadas da vida, pq era lá que ela trocava minhas fraldas Kk Essa paixão por ver boi pular vem de berço mesmo e aprendi a amar com meus pais!

Sou daquelas que se o rodeio começa as 22h, as 20h já tá em pânico com medo de chegar atrasada e perder as montarias kkk OU SEJA,a chata do role.

Hoje em dia o trem tá mudado... o rodeio aqui no brasil perdeu a “tradição” no quesito publico apaixonado. As pessoas vão pelo show, pela festa e pelos artistas que se apresentam depois das montarias, que passaram a ficar em segundo plano. É triste falar isso porém, é a realidade! Normalmente o rodeio começa a lotar no final das montarias, pois significa que esta perto do show.

Em novembro tive a oportunidade de realizar um grande sonho e fui para a final mundial da PBR (Professional Bull Rider) e, como previsto, foi incrível!

1. O valor e prestigio que os peões tem

Por ser uma final de grande importância o evento acaba sendo ainda mais impressionante!

Participamos do "Black Carpet”, por onde os peões chegam no evento, do lado de fora da arena e dão entrevista, tiram fotos e dão autógrafos - Comprei um chapéu lá e voltei com vaaaaarias assinaturas dos cara mais incríveis do mundo quando o assunto é montaria em touros.

Esse pra mim foi um ponto crucial... aqui no Brasil praticamente não temos acesso aos atletas e, eles não recebem o mesmo prestígio. O Black Carpet é mais um dos momentos de valorização do peão, deixando claro que eles são os artistas e as estrelas da festa - Aqui no Brasil isso nao acontece nem em Barretos, que é nosso maior Rodeio.

2. A Arena

Entrando na Arena o choque de realidade é outro. Uma organização sem igual, as poltronas são numeradas e em qualquer lugar que você sentar é possível visualizar as montarias - É obvio que quanto mais perto você sentar, melhor vai ver e mais caro vai pagar... Falando em pagar, convertendo em reais o ingresso saiu em media R$450,00 para a final, próximo ao preço que pagaria num camarote open bar no Brasil.

A arena é coberta, iluminada, com ar condicionado, banheiro limpo e comida e bebida com fácil acesso - Não pegamos fila para nada.

Não tem comparação nem com Barretos, que no meu ponto de vista, é o rodeio mais organizado do Brasil. A estrutura é de um estádio mesmo e assistir ao rodeio com todo esse conforto muda completamente a experiência.

3. O horário do rodeio

Diferente do que estamos acostumados aqui, a final aconteceu durante o dia.

Chegamos na T-Mobile Arena por volta das 11h da manha, para o Black Carpet e última montaria aconteceu por volta das16h30. Assim que terminou a entrega das premiações a arena já começou a ser esvaziada e os próprios seguranças bloqueando os acessos e nos indicando a saída - Até a escada rolante teve o 'sentido’ modificado para que ninguém mais subisse e os quiosques com bebida e comida fecham.

Preciso nem dizer o tanto que é diferente do Brasil né meu povo? Aqui rodeio é sempre a noite, ainda mais se tratando das finais e a galera fica até o sol amanhecer, por conta dos shows.

4.O respeito do publico

É claro que aqui no Brasil quem ama rodeio vibra pelos seus preferidos e curte as montarias com intensidade porem, o que eu achei mais bacana é o respeito pelo peão que não fica os 8s necessários para pontuar.

A arena TODA fica em silencio e o locutor até muda a intonação, mostrando "pesar” pelo peão que caiu! Me corrijam se eu estiver enganada porem, não vejo isso acontecer no Brasil... Acho que como o objetivo aqui é sempre a festa e o entretenimento, peão caiu - bora pro próximo!

5.O patriotismo

É impressionante como o americano admira e torce pelo seu povo! Claro que tinham muitos brasileiros lá, o que eu achei muito legal mas não bate o tanto de americano apaixonado pela modalidade e por seus atletas... muitas crianças acompanhando e tendo acesso aos seus ídolos, foi lindo!

É claro que minha única referencia quando se trata de rodeio nos Estados Unidos é a Finals e tudo que vejo nos filmes Kk. Pode ser que nos rodeios menores a semelhança com o rodeio Brasil seja maior... mas acho difícil, aqui ia indústria da música dominou o espetáculo.

Se você ja viveu essa experiencia alguma vez me conta se concorda com esses pontos e se identificou mais diferenças no comparativo rodeio Brasil X EUA.

Super beijo,

Gabi Gobo. #JeitodeCowboy #GabiGobo #Rodeio #PBRWorldFInals #PBR

  • Instagram - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • TikTok
  • Pinterest - Black Circle

© 2018 | Jeito de Cowboy por Gabi Gobo